DICA DE SAÚDE

segunda-feira, abril 29, 2019

O que é Rinite alérgica?


rinite alérgica é uma reação imunológica do corpo a partículas inaladas que são consideradas estranhas. Essas substâncias são chamadas de alérgenos. O nariz é a porta de entrada para o ar e substâncias carregadas por ele, e tem a função de filtrar as impurezas, além de umidificar e aquecer o ar que vai chegar aos pulmões.
O indivíduo alérgico tem uma reação exagerada aos alérgenos. Seu sistema imunológico reage de forma intensa a estas substâncias estranhas na tentativa de defesa do organismo. Na crise da rinite, a pessoa apresenta obstrução nasal, coriza, espirros e coceira no nariz. Se a pessoa tiver uma predisposição para asma, pode apresentar também uma crise de asma, com falta-de-ar e cansaço.
Sabemos que existe um componente genético nas alergias. Quando ambos os pais tem rinite, a chance de os filhos terem o problema chega a 50%. Quando a pessoa que carrega essa predisposição em contato com um alérgeno, passa a ser reativa a ele e não mais tolerar o contato. Essa reação em geral acontece nos primeiros anos de vida, mas pode ser mais tardia.

Causas

Várias substâncias presentes no meio ambiente são alergênicas, mas predominam a poeira, o pólen e alguns alimentos. A poeira doméstica é a principal responsável pela rinite em São Paulo e em boa parte do Brasil. Esta poeira tem vários componentes, como restos de pelos de animais, descamação da pele humana e de animais e restos de insetos, bactérias, fungos e ácaros. Os ácaros são microorganismos que se adaptam muito bem ao ambiente domiciliar e proliferam com facilidade em temperatura ambiente e locais úmidos. O ácaro mais implicado na rinite alérgica é o Dermatophagoides spp.  As proteínas existentes no corpo e nas fezes dos ácaros são extremamente alergênicas a pessoas predispostas à rinite. Os sintomas podem aparecer durante todo o ano.
O contato com pólen é outra causa de rinite, que ocorre em geral na primavera e no início do outono, quando o pólen transportado pelo ar se encontra em níveis maiores. No Brasil, esta rinite sazonal é mais comum na região sul.
A alergia alimentar é menos frequente e, em geral, dá outros sintomas além da rinite, como na pele e no sistema gastrointestinal. Embora qualquer alimento possa causar uma reação alérgica, os mais implicados são leite de vaca, ovo, soja, trigo, peixe e crustáceos.

Fatores de risco

Pessoas que apresentam outras doenças alérgicas, como asma, eczema (dermatite) e a conjuntivite alérgica, carregam um maior risco para rinite de origem alérgica.
Outros fatores de risco para rinite alérgica incluem:
  • Possuir familiares com histórico de alergias
  • Frequentar locais mal ensolarados e mal ventilados
  • Poluição do ar.



Sintomas de Rinite alérgica











Buscando ajuda médica

Marque uma consulta médica caso você manifeste sintomas persistentes de rinite. Testes alérgicos podem ser necessários para definir o tratamento. O tratamento melhora a respiração nasal, evita crises de rinite e infecções como sinusite e otite.

Diagnóstico de Rinite alérgica

O relato dos sintomas que a pessoa sente é muito importante para diagnosticar a rinite alérgica. Algumas informações como a época do ano em que pessoa manifesta os sintomas ou se ela identifica alguma substância que desencadeie as crises auxiliam o médico.
O teste de alergias pode revelar os alérgenos que desencadeiam os sintomas. O teste feito na pele é o método mais comum e mais eficaz para testar e identificar as alergias.
Se você não puder realizar o teste cutâneo (por exemplo, por apresentar uma reação alérgica grave), exames de sangue especiais poderão ajudar no diagnóstico. Exames de sangue podem medir os níveis de substâncias específicas relacionadas a alergias, principalmente a imonuglobulina E (IgE), anticorpo produzido pelo organismo contra os alérgenos.
Um hemograma completo também pode ajudar a revelar alergias.

Tratamento de Rinite alérgica

O tratamento dos pacientes portadores de rinite alérgica é composto por três pilares principais: higiene ambiental, medicamentos e imunoterapia.

Higiene ambiental

A forma mais simples de se prevenir de crises de rinite alérgica é evitando o contato com a substância que desencadeia os sintomas. Isso nem sempre é tão fácil. Carpetes, cortinas, tapetes e bichos de pelucia podem armazenar poeira e ácaros, e não devem fazer parte do quarto. Os ambientes da casa devem estar sempre bem ventilados e ensolarados. De preferência, a limpeza deve ser feita com pano úmido. Também devem ser evitados produtos de limpeza, tintas, perfumes, fumaça do cigarro e inseticidas.

Medicamentos

Anti-histamínicos (antialérgicos), descongestionantes nasais e corticosteróides são medicamentos usados para tratar uma crise rinite alérgica. Medicamentos à base de corticosteróides aplicados no nariz são prescritos para tratamento a longo prazo, e tem o objetivo de melhorar a respiração nasal e evitar ou amenizar as crises. Como todo medicamento pode apresentar efeitos colaterais e a dose varia individualmente, procure o médico para indicar o tratamento correto.

Imunoterapia

Vacinas antialérgicas também são uma opção para casos em que não houve melhora com as medicações e uma alternativa para casos em que não se pode evitar contato com o alérgeno. Ela está indicada se o teste cutâneo ou sanguíneo comprovar o alérgeno. Nesse tratamento, são aplicadas em injeções ou gotas sublinguais com quantidades controladas da substância para que o organismo deixe de ser hiperreativo a ela. O objetivo é que, no passar do tempo, as crises se reduzam e a pessoa consiga até suspender as medicações.

Rinite alérgica tem cura?

A grande maioria dos sintomas da rinite alérgica pode ser tratada. Algumas pessoas (principalmente crianças) podem se livrar de uma alergia quando ficam mais velhas porque o sistema imunológico se torna menos sensível ao alérgeno. Entretanto, no geral, depois que uma substância desencadeia uma reação alérgica, ela pode continuar afetando a pessoa no longo prazo.
Algumas pessoas (principalmente crianças) podem se livrar de uma alergia quando ficam mais velhas porque o sistema imunológico se torna menos sensível ao alérgeno. Entretanto, no geral, depois que uma substância desencadeia uma reação alérgica, ela pode continuar afetando a pessoa no longo prazo.

Prevenção

Muitas vezes, os sintomas podem ser prevenidos evitando o contato com os alérgenos conhecidos. Esta é, na verdade, a única forma efetivamente comprovada contra as crises de rinite alérgica.

Sonayra  M. Renno.

Crf 24041







HOMENAGEM - Guy Vieira Barbosa

quinta-feira, abril 25, 2019

COMEÇO, MEIO E FIM

Edição Especial ( Homenagem ao Grande  Redator do Jornal O Aperitivo e Radialista)
                                                      
Guy Vieira Barbosa
29/09/1934 – 16/06/2014

Tivemos uma enorme perda com o falecimento deste grande homem, pai, amigo, avô. Vou lhes contar um pouco da trajetória dele.
Como dizia um grande amigo dele, ele era um homem revolucionário, sonhador e poeta, sempre alegre e com bom humor.
Nascido em 1934, no estado da Guanabara, hoje  Rio de Janeiro em vila Isabel. Como ele sempre dizia carioca da gema, botafoguense e carnavalesco, jornalista, radialista, promotor de eventos, locutor, redator de vários Jornais e Revistas do Brasil, trabalhou na antiga rádio TUPI do RJ, logo depois veio pra Minas Gerais à pedido de sua esposa Nena Schimith (19/09/1944 – 23/12/1991). 
Barbosa começou a trabalhar na rádio AM como diretor e fazia um programa de madrugada, depois foi para a rádio Panorama FM, trabalhou com vários políticos e com o Carnaval de Itajubá-MG. Logo depois foi chamado para trabalhar em Brazópolis, e não se passou muito tempo, promoveu várias festas e eventos, tentando promover sempre a cidade de Brazópolis.  Vindo a morar anos depois em Itajubá novamente, e logo depois mudou-se para a cidade de Piranguinho, onde ficou até o seu falecimento.

Anos de luta e dedicação transformando o Jornal em Regional. Vindo se aposentar muito tarde, felizmente continuou com a apresentação do programa que tinha na rádio Panorama FM, o “Papo e Pagode”.  Antes do meu pai partir, me falou que sempre tinha saudade dos velhos tempos em Brazópolis.
Que Deus coloque o senhor ao lado dos sambistas, fazendo uma roda de samba no céu. Como dizia um velho sambista “Quando eu morrer, não quero choro nem vela .... Só quero choro de flauta, violão e cavaquinho...” (Fita Amarela de Noel Rosa).
Eu como filha, agradeço a todos os amigos e colaboradores, que sempre apoiaram o meu pai e o Jornal O Aperitivo.

E um agradecimento Especial a um grande amigo, Dr. Edgar Gruezo Klinger, o “Bisturi de Ouro” como ele sempre dizia. Um excelente Médico e amigo. Meus sinceros agradecimentos pelo carinho com meu pai e minha família.





TRAJETÓRIA E CARREIRA DE BARBOSA

Desde 1992, estamos (Barbosa e Paula) trabalhando em  Brazópolis, em setembro de 1995, nos afastamos da Prefeitura e em Julho de 1998 retornamos atendendo ao um convite do Prefeito Paulo de Tarso. Enquanto ele estava afastado da prefeitura, colaborou com diversas administrações do Club Wenceslau Braz, realizando e participando de diversos eventos. Com muita coragem trouxemos bandas  e realizamos Carnavais no Club, onde ocorreram  desfiles de fantasias infantis, com premiações e tudo mais. Procurando sempre da melhor maneira divulgar Brazópolis, quer nos jornais ou nas rádios, quer nos eventos festivos ou cerimonias locais. Executou seu trabalho da melhor maneira possível.
Por conta da sua posição politica, e por não ficar em cima do muro, conquistou algumas antipatias e até inimizades. O que faria? Não era de “esconder” o jogo, muito pelo contrario, jogava aberto e tem pessoas que não são chegadas  a sinceridade. Teve a vontade de apertar a mão de cada Brazopolense e de todas as pessoas que sempre colaboraram com o Jornal O Aperitivo.
Diploma de Amigo do Batalhão

Satisfação e honra define o sentimento que teve  por cada morador Brazópolense. Mesmo tendo algumas decepções, podê ter alegrias como todo mundo em qualquer lugar.
“Nada entre tando se compara com a alegria que pude sentir ao ver minha neta lendo e escrevendo. Simplesmente maravilhoso. Hoje teria muito orgulho de ver a neta formada em Direito”. (Barbosa)
Já que nos seus últimos momentos falava pra todo mundo que ela ia se tornar uma advogada maravilhosa.  Sentindo orgulho da neta Zaira que o acompanhava nos programas “Papo e Pagode” da rádio Panorama FM. Essa alegria compensa tudo o que passei em minha jornada.



Diploma de Cidadão Brasopolense

Tudo na vida passa por essas fases. O Aperitivo não poderia ser exceção. Em dezembro de 1995 foi lançado o Jornal, no entanto depois de anos de publicações, tivemos um recesso. Felizmente voltamos com a corda toda. Sendo essa Edição  Especial em homenagem ao fundador deste jornal , Barbosa.

Abaixo algumas realizações deste grande homem, que teve a “ousadia” de fazer e participar:


                        ·        Rock em Brazópolis, trazendo várias bandas para o evento.
·        Diversas modificações no Carnaval de Brazópolis, como desfiles e nomeações de Rei Momo, festas infantis, e dentre outros.
·
        Divulgou diversas vezes a cidade em que trabalhou por anos, como é o caso de Brazópolis, Piranguinho, Itajubá e região.
·
        Trabalhou como locutor de diversos eventos na região do Sul de Minas.
·
        Reivindicou o cargo de redator na Prefeitura de Brazópolis, que existia desde 1924, mas o cargo foi criado em 2000 graças aos seus esforços.
·    Festas dos Destaques, onde homenageava aproximadamente 480 ganhadores e mais de 60 pessoas escolhidas como Hor Concor.
·
        Miss Brazópolis
·
        Festa da Banana: Em Bom Sucesso e Luminosa.
·
        Rodeio de portão aberto.
·
        Vários eventos de desfile.
·
        Festivais de corais.
·
        Liga Esportiva Amadora em Brazópolis.
·
        Trabalhou na Rádio TUPI no Rio de Janeiro.
·
      Trabalhou no menor jornal do mundo Vossa Senhoria da cidade de Divinópolis-MG.
·
        Etc.


Paula, Patrícia, Zaira e Marcos.







AGRADECIMENTOS ESPECIAIS
Amigos que sempre estiveram por perto

Dr. Edgar Gruezo Klinger 
Chico Vasconcellos (Panorama FM)
Sonayra 
Paulo de Tarso e Flora
Robinson De Queiroz Costa
Dona Helena Maria
Josias Gomes
Chico Marques
Zé Pintinho
Marquinho Mistura Fina
Elizete 
Noé Pereira Serpa
Ricardo Rennó
Ivan
Edson Wander
Diego
Dentre outros que  fizeram parte da vida do Barbosa.
as Gomes


SAMBA COMPOSTO DE AMIGO PARA AMIGO




MARQUINHO MISTURA FINA 

SAMBA PRO AMIGO ♪♫

Esse cara é meu amigo,  você sabe como é.
Um amigo de verdade
Qual amigo que não quer

Que te põe sempre em destaque, lhe oferece um aperitivo.
Dentre uma prosa ou outra, falas de otimismo.
Amigo pra sempre amigo, quero ser o seu amigo.

Esse cara é meu amigo, você sabe como é.
Um amigo de verdade
Qual amigo que não quer

Amizade pura e verdadeira
Braços para te abraçar
Amigo não te abandona
Seja em qualquer lugar
Amigo vou espalhar essa amizade pelo ar

Esse cara é meu amigo, você sabe como é.
Um amigo de verdade
Qual amigo que não quer

(MARQUINHO MISTURA FINA – Compositor e Cantor)

ELES DISSERAM... 

LEMBRANÇA DO SR. BARBOSA

"O Barbosa foi muito importante quanto ao Rádio, Jornal e Eventos que fazia. Em relação ao rádio, o Barbosa trazia o SAMBA de RAIZ, colocando grandes nomes como Partido Alto, Martinho da Vila, Fundo de Quintal, Jovelina Pérola Negra, deixando isso muito vivo. Hoje se percebe o domínio da música sertaneja e ele mantinha o samba mais tradicional, deixando em evidência no seu programa "PAPO E PAGODE". E hoje em dia isso é muito importante, ter programas que divulgam aquilo que não tinha muita atenção no momento. Por exemplo nos programas que fazia ao domingo de 4 horas, divulgava esse tipo de samba, como Cartola, Beth Carvalho e assim por diante.
Além disso, tinha a coisa do humor Carioca, levando para o Programa e para o Jornal.  Sempre construía as enquetes e os textos de forma inteligente e bem humorada.
Voltando a questão do samba, uma tradição que se perdeu e que o rádio tinha muito era os Sambas de Enredo, que antigamente só se tocava na década de 80 e parou de tocar. Felizmente o Barbosa mantinha essa tradição viva. Logo quando saía o Samba de Enredo, ele trazia praticamente em primeira mão, começava a editar e divulgava. Coisas como esta que a rádio não faz mais hoje.
Digo que é sempre importante ter pessoas que olhem e deem atenção para isso. E o Barbosa foi uma dessas figuras importantes para o samba e humor carioca. Era uma pessoa muito bacana e querida por todos nos, tanto para os amigos da área do rádio, quanto amigos que conheceu ao longo de sua trajetória".

                                                                                                                                        – Edson Wander.




"Todos que convivemos com ele, tem muitas lembranças, como o Jornal O Aperitivo, que era o Jornal que ele sempre fazia questão de fazer, os programas na Rádio. Conheci ele em 2000 à 17 anos, conhecia ele de rádio, mas pessoalmente quando ele veio pra Piranguinho, em meu primeiro ano de mandato nas entrevistas. O Sr. Barbosa é uma pessoa que todos apendemos a amar de paixão.  Sempre alegre e todos os momentos que nos encontrávamos sempre tinha uma palavra otimista para passar. Então o Sr. Barbosa é uma pessoa que temos que sempre lembrar com muito carinho."  

– Prefeita Helena.



"Eu conheci o Barbosa aqui em Brasópolis que trabalhava na época para o prefeito Paulo de Tarso. Depois disso nos tornamos amigos e sempre frequentava a casa dele até mesmo para fazer reuniões. Como o Barbosa era do Rio de Janeiro e já estava em Brasópolis a um bom tempo, sendo merecedor do título de Cidadão Brasopolense, até mesmo pelos trabalhos que desempenhou em Brasópolis. 
Estrategista político sempre informando cartadas políticas, indicando pessoas fortes e fracas para uma possível concorrência política. Um "Expert". 
Foram varias festas/eventos, além de um excelente escritor e jornalista era um estrategista nato.
Barbosa é uma saudosa memória. Digo que teríamos que ter mais pessoas como ele. 
Está fazendo falta. Dizem que as pessoas não fazem falta, mas fazem sim e ele deixa saudade em nossa política."

                                                                                                                  – Robinson de Queiroz Costa.




"Pelo tempo que conheci o Barbosa, aliás conheci ele muito pouco, mas esse tempo mostrou sua honestidade, transparência e sinceridade, sendo um homem de caráter.

O Barbosa fez a sua história. 
Quando as pessoas morrem ficam se martirizando, pensando coisas ruins. Mas quando se tem uma história para deixar recordações boas, é simplesmente o que Deus quis."


– João de Deus.




Eu particularmente que trabalho com comunicação me inspirei muito no seu Barbosa, no jeito de ser e a forma popular de conduzir, tanto na questão do jornal quanto na programação e o jeito de ser na rua, uma pessoa comunicativa que cumprimentava todos na rua, um amigo de todos.

– Ronaldo Benedito.

Tecnologia do Blogger.