INCÊNDIO NA PREFEITURA DE VIRGÍNIA

Informamos que na noite do dia 30/07, por volta das 22h45min o município de Virgínia teve uma grande perda com um incêndio no Prédio da Prefeitura Municipal, que resultou mais de 60% de perda total. 

O prefeito da cidade, Carlos Eduardo Costa Negreiros (MDB), informou que as chamas destruíram todos os documentos da prefeitura, de funcionários ativos, além dos computadores e o arquivo morto, com datas de até 1911. Junto estavam acervos históricos, licitações, RH, e tributos que foram totalmente destruídos.

Alguns documentos e parte do gabinete e da sala de projetos foram preservados devido a ajuda de moradores, vice prefeito Bruno, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros que operaram com 2 veículos. 


O fogo foi controlado próximo a garagem onde se encontrava a frota que foi retirada do local. 





Investigações estão sendo feitas e há suspeitas do fogo ter iniciado por uma fogueira próxima à divisa do prédio, com suspeita de ter sido feita por indivíduos para aquecimento. No entanto será periciada por autoridades competentes, pois segundo o prefeito, tem a possibilidade do incêndio ter sido criminoso. 

"O incêndio começou no arquivo morto. Tem indícios de incêndio criminoso, a gente achou caixas de fósforo. Mas não tem nada provado, estamos esperando a polícia".

O prédio é uma antiga escola e havia passado por reformas há cerca de dois anos. As paredes e parte do telhado foram atingidas pelo fogo. As condições de toda a construção devem ser avaliadas.
Moradores ajudaram a controlar as chamas até a chegada do Corpo de Bombeiros de São Lourenço, que fica a cerca de 40 quilômetros da cidade. "Muitas chamas, volume de papel, madeira, muito grande", explicou o sargento Nestor Edmilson. Foram usados 30 mil litros de água no combate às chamas.

O atendimento administrativo ao público foi suspenso e os setores foram levados temporariamente a uma Unidade Básica de Saúde. A previsão é que a partir de segunda-feira o atendimento volte ao normal. Serviços de saúde e transporte seguem normalmente.

Na manhã desta quarta-feira (31), os militares trabalharam no rescaldo.

    Vídeo retirado de rede social.

Conforme Corpo de Bombeiros não houve feridos. Toda Minas Gerais se sensibiliza com o povo virginense pela grande perda histórica e patrimonial. 

Fotos: Ricardo Pelegrini e Ducarmo.
Tecnologia do Blogger.