Mahle de Itajubá vai voltar ao funcionamento com novas medidas

Os funcionários da Mahle de Itajubá voltarão às atividades na próxima segunda-feira, dia 12 de abril, no entanto será feito algumas mudanças. A medida foi anunciada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Itajubá, Paraisópolis e região na noite desta quarta-feira, dia 8 de abril.

Durante a reunião entre o sindicato e representantes da empresa que aconteceu, a indústria garantiu a volta dos trabalhadores a partir da próxima segunda, com o retorno dos funcionários do terceiro turno. Na terça 13 de abril, devem voltar os funcionários do primeiro e segundo turnos e do setor administrativo. Vale ressaltar que alguns funcionários irão ter as férias prolongadas por mais alguns dias. 


Além disso, a empresa anunciou que estuda em caráter de urgência o corte de salários de até 25% durante 180 dias e a suspensão dos contratos de trabalho por até cinco meses sem garantia de pagamento de salários. A proposta foi criticada pelo sindicato.

Segundo o diretor do sindicato, Carlos dos Santos, a medida é abusiva. “O sindicato se colocou contrário a essas medidas, entendendo que elas atacam o direito dos trabalhadores”, disse.

Ainda de acordo com Santos, a proposta do sindicato é a aplicação de licença remunerada, como tem sido feito na Imbel em Itajubá, ou a suspensão dos contratos de trabalho sem a redução dos salários com a garantia de estabilidade de emprego para todos os funcionários durante 12 meses.

Reunião com o Sindicato

A reunião foi feita nesta quinta-feira, dia 9 de abril, para tentar um acordo entre o sindicato e a empresa. “Teremos uma nova reunião com a empresa para discutir esse tema que a empresa está propondo e vamos seguir nessa luta”, afirmou, Carlos dos Santos.





Logo depois o Sindicato dos Metalúrgicos postaram a imagem a baixo em sua Rede Social (Facebook).






Fonte: Informação foi divulgada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Itajubá e região.

Tecnologia do Blogger.