Prefeito de Varginha-MG renuncia cargo após retornar de férias

O prefeito de Varginha-MG, Antônio Silva (PTB), renunciou ao cargo na manhã desta segunda-feira, 6 de abril. 


A renúncia acontece um dia após o prefeito revogar o decreto que permitia a reabertura do comércio da cidade nesta segunda-feira, em meio à crise do novo coronavírus. Em sua carta de renúncia direcionada à Câmara de Vereadores, o prefeito alegou razões de foro íntimo.

A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da prefeitura. O prefeito havia retornado de férias na semana passada e já se viu diante da crise do novo coronavírus. Desde o começo da crise, quem comandava as ações na prefeitura era o vice-prefeito, Verdi Lúcio Melo. Após pressão de empresários, na sexta-feira, 3 de abril, Antônio Silva emitiu um decreto permitindo a reabertura de parte do comércio da cidade com restrições.

Mas neste domingo, dia 5 de abril, a decisão de revogar o decreto veio após questionamentos de diversos órgãos como o Ministério Público, a Associação Médica, a comissão de enfrentamento ao Covid-19, o Conselho Municipal de Saúde e a Superintendência Regional de Saúde.

Em 2016, Antônio Silva, de 77 anos, foi eleito para o seu 4º mandato em Varginha, com 43,98% dos votos. Antes do mandato 2016-2020, ele já havia governado a cidade entre 2012 e 2016, 1997 e 2000 e 1989 e 1992.

A Câmara dos Vereadores deverá se reunir às 14h desta terça-feira, dia 7 de abril para seguir com os procedimentos de posse do vice-prefeito, Verdi Lúcio Melo.

Confira a carta de renúncia abaixo na íntegra:


Tecnologia do Blogger.