Proprietário e instrutor de Auto Escola são presos por venda de CNH em Itajubá-MG

A Polícia Civil realizou na manhã desta segunda-feira, dia 19 de abril, a operação “Sentido Obrigatório”. Trata-se de uma investigação contra os crimes de corrupção ativa e passiva que envolvem a compra de Carteira Nacional de Habilitação.

Ex-secretário de Defesa Social estava envolvido, 
segundo investigadores.

Foram cumpridas na manhã desta segunda-feira, 16 mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária nas cidades de Itajubá, Maria da Fé e Belo Horizonte. Dentre os presos estão dois proprietários de Auto Escola , um de Itajubá outro de Belo Horizonte , e um instrutor de Auto Escola de Itajubá.

Os mandados de busca foram cumpridos em residência de pessoas que realizaram a aquisição da habilitação mediante o pagamento sem o cumprimento dos tramites legais e também em residência de instrutores da Auto Escola investigada em Itajubá.

No decorrer das investigações foi identificado também que dois dos investigados na venda de habilitações foram integrantes da Junta Administrativa de Recursos de Infrações do município de Itajubá. No exercício desta função negociavam a baixa de multas mediante pagamento de valores, sendo que nesta investigação foi identificado também o envolvimento de outras duas pessoas as quais tiveram suas prisões decretadas. Uma delas é um ex-secretário de Defesa Social de Itajubá.

A operação contou com 40 policiais civis das cidades de Itajubá, Cristina, Pedralva e Paraisópolis e também com 12 policiais da equipe da Delegacia de Homicídios de Belo Horizonte.

As investigações continuam para identificar outros envolvidos. Os autores foram encaminhados para o Presídio de Santa Rita do Sapucaí, por medidas de prevenção à Covid- 19.


Tecnologia do Blogger.