Uma pessoa foi presa em Nova York em conexão com um incêndio em uma árvore de Natal de propriedade da Fox News

Um homem suspeito de atear fogo deliberadamente a uma gigantesca árvore de Natal em frente à sede do canal de televisão americano Fox News foi preso pela Polícia de Nova York (NYPD) na quarta-feira, 8 de dezembro.

O de 49 anos está atualmente em julgamento “Crime Fire” Depois da surpresa à meia-noite (0500 GMT de quarta-feira), a árvore iluminada de 15 metros de altura, erguida em frente ao prédio da American Conservative Chain no centro de Manhattan, subiu na estrutura de suporte. A árvore foi queimada mais tarde, como pode ser visto no glamoroso filme de TV feito na noite passada. A. para a pessoa presa “Mais leve” Sobre ele, mas a polícia não sabe se ele usou “Catalisador” De acordo com o NYPD, os bombeiros de Nova York devem determinar a causa do incêndio. O fogo foi rapidamente controlado e ninguém ficou ferido.

O celular do suspeito ainda não foi identificado, mas a CEO da Fox News Media, Suzanne Scott, negou as acusações em um comunicado. “Ataque malicioso de fogo”. Amarrando um “Ato deliberado, desavergonhado e covarde”O chefe do maior canal de televisão conservador americano, prometeu que “como notícia de paz, luz e alegria, uma nova árvore em breve será erguida no mesmo local, no cruzamento da 6ª Avenida com a 48ª Rua.” ) Momento escuro “.

De acordo com a Fox News, a árvore tinha 15 metros de altura “Decorado com cerca de 10.000 enfeites de vidro e 100.000 lâmpadas pequenas”. Um incêndio espetacular estourou em frente ao Rockefeller Center, um dos destinos de férias de Nova York, no início de dezembro, a poucos quarteirões de outra árvore de Natal gigante.

READ  A lei do Texas que proíbe a maioria dos abortos está entrando em vigor

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Jornal O Aperitivo